• EntreAtos

ESPETÁCULO "CÁRCERE" FARÁ APRESENTAÇÃO ÚNICA EM JULHO

Apresentada em 15 países nos últimos 5 anos, "CÁRCERE", produção paulista estrelada pelo ator Vinícius Piedade, desembarca em Porto Alegre.


COMO SURGIU O ESPETÁCULO

Foto Tati Wexler

Depois de percorrer alguns presídios do estado do Espírito Santo apresentando o espetáculo solo “Carta de um Pirata”, Vinicius Piedade propôs ao dramaturgo Saulo Ribeiro uma peça que refletisse sobre a liberdade, através dos olhos de um pianista privado da liberdade e de sua arte. Na criação do texto o co-autor Saulo Ribeiro se baseou em acontecimentos reais dos quais teve conhecimento e vivência na época em que foi professor no sistema prisional (na cadeia). Foi Saulo quem levou Vinicius Piedade aos presídios do Espirito Santo para se apresentar. Depois do encontro do artista e de sua peça com esse público em situação limite, o ator quis expressar e investigar a liberdade. E escolheu investigar artisticamente essa questão. E para isso contou com o historiador, escritor, advogado e ex-professor no sistema prisional.

O processo de escrita da peça ocorreu por quatro mãos, numa parceria entre Ribeiro e Piedade. O pianista Manuel Pessoa também foi um parceiro decisivo nessa construção, sendo responsável pela criação musical que permeia toda a peça.




ONDE E QUANDO:


Teatro de Arena

Dia 05 de Julho - Sexta-feira, às 20h


INGRESSOS ANTECIPADOS:

A venda aqui na EntreAtos

https://www.entreatosdivulga.com.br/carcere


Descontos para estudantes, idosos, classe artística e pessoas com deficiência e acompanhante.


SINOPSE

Apresentada em 15 países nos últimos 5 anos “Cárcere”, produção de São Paulo, propõe uma reflexão sobre a liberdade por meio dos olhos de um pianista preso interpretado por Vinícius Piedade. Ele está encarcerado e acaba refém numa rebelião iminente. Ele vive em ritmo de contagem regressiva e suas expectativas, impressões, lembranças, reflexões e sensações são expressadas por ele em um diário. Quando começa a surgir um boato de que uma rebelião está na iminência de estourar, ele começa a escrever no diário.

A montagem se passa justamente no período em que ele descobre que será refém, uma segunda-feira, até o dia em que estoura a rebelião, um domingo. A proposta estética da peça percorre diferentes camadas e linguagens, desde o humor corrosivo de um homem em estado de sitio, a momentos essencialmente corporais. O espetáculo visa proporcionar ao público diferentes perspectivas de ser e estar preso, ou livre.FICHA TÉCNICA:Direção, Iluminação e atuação: Vinícius PiedadeTexto: Saulo Ribeiro e Vinicius PiedadeTrilha Sonora Original: Manuel LimaFigurino: Ana Maria PiedadeOperador de som e luz: Patrik Simões PereiraProdução local: Michele Rolim



46 visualizações

Ponto de Encontro

Blog

Cadastre-se

Fale conosco

Contate-nos: (51) 9 99848922

Porto Alegre/RS

 Das 10h às 19h

Encontre-nos nas redes sociais:

  • Facebook Entreatos
  • Twitter Entreatos
  • Instagram Entreatos
  • YouTube