• EntreAtos

A BELA ARCA DE NOÉ – Nora Prado


O espetáculo musical infantil A Arca de Noé, dirigido por Zé Adão Barbosa que encerrou temporada na Sala Álvaro Moreira, do Centro Municipal de Cultura, é um refresco para os sentidos e uma bênção para pais e filhos que procuram por diversão de qualidade. Teatro feito no capricho atualizando um dos maiores musicais brasileiros contemporâneos. Com canções escritas pelo poeta Vinícius de Moraes e musicadas por Toquinho, essa ópera infantil fez história e serve de referência como um dos melhores textos no gênero. Na montagem atual, cinco atores-cantores de uma trupe circense contam a história mítica da Arca de Noé através da música, canto e dança. Contextualizam o que acontece com os bichos depois de passarem pela tormenta e enfrentarem o dilúvio protegidos dentro da arca de Noé. Numa sucessão de números musicais, muito bem arranjados musicalmente e tecnicamente bem interpretados pelos atores, vamos entrando no universo onírico de Vinícius de Moraes. Alternando momentos de muita graça e palhaçada como na canção das Focas e das Galinhas, com momentos de lirismo poético na canção da Corujinha e São Francisco, o espetáculo dosa comédia e drama com muita sensibilidade.

Num cenário que sugere a Arca, uma iluminação eficiente e figurinos de encher os olhos a magia acontece pela força criativa da direção e dos atores, carismáticos, que se comunicam facilmente com o público encantando crianças e adultos. O uso de bonecos, adereços e também a participação das crianças da plateia fazem com que a viagem pela fantasia aconteça de maneira espontânea e singela. Ponto para a cenografia de Daniel Jainechine, a iluminação de Casemiro Azevedo, os bonecos de Maíra Coelho e os figurinos de Titi Lopes e Gustavo Dienstman. Marcações e coreografias muito simples, mas executadas com exatidão, buscam o encontro genuíno com a síntese expressiva dos versos musicados. A simplicidade e afinação estética do trabalho conjugam refinamento e delicadeza, essenciais, para a fruição da obra prima de Vinícius e Toquinho. Pais e mães com crianças de colo se desmancham encantadas durante toda a apresentação. Uma comoção com o que de melhor o teatro pode gerar: comunhão e deleite através da imaginação. Parabéns ao diretor musical Everton Rodrigues, o diretor Zé adão Barbosa, os atores: Ana Cristina Oliveira, Elisa Meneguetti, Alexandre Cardoso, Everton Rodrigues e Guilherme Torres e toda a equipe, competente, e vida longa a esta Bela Arca de Noé!



20 visualizações

Ponto de Encontro

Blog

Cadastre-se

Fale conosco

Contate-nos: (51) 9 99848922

Porto Alegre/RS

 Das 10h às 19h

Encontre-nos nas redes sociais:

  • Facebook Entreatos
  • Twitter Entreatos
  • Instagram Entreatos
  • YouTube